Sigam Nossa Pagina

Style2

Mais Informações Clicar na imagem



Carnaval bom, é Carnaval seguro! Esta foi à temática da Audiência Pública, realizada pela Câmara de Vereadores de Goiana, na noite de ontem (10), no plenário da Casa, para discutir a segurança do Carnaval 2014, em Goiana. O encontro contou com a presença de várias autoridades ligadas ao tema, entre elas, o procurador-geral do Ministério Público de Pernambuco, Agnaldo Fenelon, o promotor de justiça, Fabiano Saraiva, o comandante da Polícia Militar de Goiana, capitão Bruno Machado, os delegados Diego Pinheiro e Salatiel Patrício, e o secretário de Cultura, Raul Almeida Junior, além de representantes de diversas agremiações.   
Como peça principal do encontro, o comandante da Polícia Militar de Goiana, garantiu que vai reforçar o policiamento nos dias do Carnaval. “Iremos reforçar o efetivo policial de acordo com a dimensão do evento. Vamos aguardar a programação da Prefeitura, para então escalar o efetivo necessário. Nosso objetivo é manter a segurança do folião, como foi nos outros carnavais”, explicou o capitão Bruno Machado.
Em seu discurso, o secretário de Cultura, Raul Almeida Junior, disse que a Prefeitura pretende resgatar a cultura popular. Ele garantiu que todos os blocos cadastrados terão direito a orquestras de Frevo. “Queremos resgatar o Carnaval popular. Esse vai ser o principal foco desse Carnaval”, disse o secretário.
O promotor de justiça, Fabiano Saraiva, fez um alerta para os donos de blocos e agremiações. “Cabe ao organizador do evento, informar a Prefeitura e a polícia com antecedência a data, horário, percurso e o público estimado, dentro e fora do bloco. Fazendo isso iremos evitar problemas, como houve no Carnaval passado. Estamos aqui para contribuir para o sucesso do Carnaval de Goiana”, disse o promotor.   
Já o procurador-geral do Ministério Público de Pernambuco, Agnaldo Fenelon, ressaltou a importância do encontro. “Essa reunião deve servir para que haja a criação de um comitê de eventos em Goiana. Para que eventos como esse, não sejam planejados em cima da hora. Precisamos mudar isso”, ressaltou.
Ao final do encontro, alguns pontos ficaram acordados. Entre eles, a proibição de trios elétricos ou semelhantes - como paredões -, sem a autorização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - IPHAM, no perímetro do sítio histórico da cidade. O horário para término das apresentações, ficou estipulado para até às duas horas da manhã. 







AP Agência

Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top