Sigam Nossa Pagina

Style2

Mais Informações Clicar na imagem

Foto: Anderson Pereira

 

Solo rosado que fica ao redor do olho d'água mudou a coloração.
Fonte segue interditada, porque água está imprópria para o consumo.


A cor vermelha da água da fonte localizada no Sítio Chã de Alegria, no distrito de Tejucupapo, em Goiana, município da Mata Norte de Pernambuco, foi justificada pela presença de resíduos de um barro rosado, que fica em volta do olho d’água. O laudo do Laboratório Central de Saúde Pública (Lacen) e da Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa) foi divulgado nesta sexta-feira (3) e derruba a teoria de alguns moradores segundo a qual a água seria milagrosa.
A gerente de Vigilância Sanitária do município de Goiana, Margareth Gomes, informou que a localização desse tipo de barro em volta da fonte pode ter origens naturais. “Com a análise, ficou concluído que a água se encontrava daquele jeito por causa do barro rosado que tinha ao redor da água. Devido às chuvas, pode ter tido algum deslizamento que alterou a coloração dela”, acredita.


Entretanto, o coordenador da Agência Pernambucana de Vigilância Sanitária (Apevisa) da 1° Gerência Estadual de Saúde (Geres), Roberto Coelho, acredita que a população também pode ter sido responsável pela mudança. “O fluxo de pessoas até a fonte era muito grande. Elas entravam com os depósitos de água, tomavam banho na fonte, o que poder ter feito o barro soltar substâncias que contaminaram a fonte”, disse.
A Vigilância Sanitária de Goiana recolheu amostras da água na quinta-feira (2) e na sexta, concluindo que a coloração do líquido já tinha voltado ao normal. Porém, mesmo voltando à cor natural, os moradores de Tejucupapo ainda não poderão utilizar a água da fonte, pois o laudo apontou a presença de coliformes fecais e outras substâncias.


“A água se apresenta em estado inadequado, tanto na questão físico-química, como na microbiológica. Por isso, ela vai continuar interditada, mas a população não vai ficar desassistida. Vão ter carros-pipa abastecendo as pessoas, porque aquele é o único local onde podem buscar água”, disse Margareth Gomes.


Na próxima segunda-feira (6), representantes da Prefeitura de Goiana se reunirão com o Governo do Estado para elaborar um plano que torne a fonte utilizável novamente. A água deverá ser tratada por técnicos e uma estrutura física que melhore o acesso também deverá ser construída no local. Segundo a Apevisa, a intenção é proteger a fonte e impedir a exploração de forma prejudicial.

Entenda o caso

Desde o dia 16 de janeiro, a fonte no sítio Chã de Alegria começou a jorra uma água vermelha. Por causa da cor semelhante à do sangue, muitos moradores da região falaram em milagres e pensaram em até promover romarias ao local. No dia 18 de janeiro, técnicos da 1° Gerência Estadual de Saúde foram ao olho d'água e colheram amostra para a realização de exames.
FONTE: G1

Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top