Sigam Nossa Pagina

Style2

Mais Informações Clicar na imagem


Desde março, foram 334 notificações e 112 casos confirmados. Em 2012, apenas um caso da doença havia sido registrado no estado.


O aumento no número de casos de sarampo em Pernambuco tem preocupado a Secretaria Estadual de Saúde e fez com que o calendário de vacinação fosse adiantado. Somente de março a novembro deste ano, foram notificados 334 casos suspeitos da doença, sendo 112 confirmados, com a morte de um bebê de sete meses em Moreno, na Região Metropolitana do Recife.

A principal forma de prevenção é a vacina. Pelo calendário vacinal, a criança recebe a primeira dose com um ano. Só que, pra conter o surto, essa vacinação foi antecipada: crianças a partir de seis meses já devem tomar a dose. O estado fez uma convocação extra em julho e vacinou 140 mil crianças em 25 cidades. Agora, mais uma chamada para o próximo dia 30 de novembro, com 350 mil doses disponibilizadas para crianças de seis meses a menos de cinco anos.


A diretora de Controle de Doenças do estado, Rosilene Hans, explicou que a vacina da campanha será a tríplice viral, ou seja, contra sarampo, rubéola e caxumba. Os municípios prioritários são os que tiveram, nos últimos três meses, casos confirmados ou em investigação, como Recife, Olinda, Jaboatão dos Guararapes, Cabo de Santo Agostinho, Camaragibe, Ipojuca, Moreno, Vitória de Santo Antão, Escada, Serinhaém, Caruaru, São Joaquim do Monte, Garanhuns, Petrolina, Condado e Goiana.


O último surto da doença em Pernambuco foi em 1999, sendo que desde 2000 o estado estava livre do sarampo. Em 2012, apenas um caso de sarampo havia sido registrado - de uma pessoa que contraiu o vírus fora do Brasill. O estado está trabalhando junto aos municípios para reforçar a questão da vacinação, tanto casa a casa, quanto dos profissionais de saúde.


As pessoas contaminadas no estado apresentaram um vírus de sarampo que está circulando em países da Europa, na China e no Canadá. "A gente teve casos a partir do mês de março. Esses casos entraram em contato com estrangeiros. As pessoas que contraíram é porque ainda não estavam vacinadas", ressalta Rosilene Hans.



G1



A prefeitura de Goiana junto à secretaria de Saúde antecipou a campanha em Ponta de Pedras, começou no final da tarde desta segunda (25) e vai até próximo sábado (30) no USF (Unidade de Saúde da Família), na Beira Mar em frente a Praça da Mentira.






















Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top