..

..
clique na Imagem

Style2

Envie sua Denúncia

Envie sua Denúncia

Mais Informações Clicar na imagem



Bangcoc, 18 nov (EFE).- A seleção brasileira conquistou pela sétima vez (cinco títulos são reconhecidos pela Fifa) neste domingo o título de campeã da Copa do Mundo de Futsal, ao vencer a seleção espanhola, por 3 a 2, na prorrogação, em Bangcoc, na Tailândia.
A partida seguiu à risca o manual das grandes decisões, com duas viradas, grandes jogadas, talentos individuais, muita determinação e um gol anotado quando faltavam 19 segundos para o fim da prorrogação, por Neto. O fixo brasileiro marcou com estilo, com um drible na linha lateral esquerda e acertou chutaço, sem dar chances para o goleiro Juanjo.
No tempo normal, o próprio Neto havia aberto o placar, aos 4min11s da segunda etapa. Depois, a 'Fúria' foi para cima e conseguiu reverter o placar, com Torras, aos 9min55s, e Aicardo, aos 10min56. O Brasil, contudo, tem Falcão, que mesmo com poucos minutos de quadra, apareceu para decidir, com um belo disparo de fora da área, aos 16min18.
A conquista é a quinta do Brasil reconhecida pela Fifa, que passou a organizar a Copa do Mundo em 1989, ano do primeiro título "verde e amarelo", na Holanda. Depois disso, os brasileiros voltaram a levantar o troféu em Hong Kong (1992), Espanha (1996) e em casa (2008). Além disso, foram conquistados dois títulos em torneios organizados pela Federação Internacional de Futsal (Fifusa), em 1982, no Brasil, e em 1985, na Espanha.
Os espanhois terminaram pela segunda vez consecutiva como vice-campeões do mundo, quando perderam nos pênaltis para a equipe liderada por Falcão, no Maracanãzinho. A 'Fúria' lutava pelo seu terceiro título da competição, já que levantaram o troféu em 2000 e 2004, na Guatemala e Taipé, respectivamente.
Para coroar o grande desempenho brasileiro na Copa do Mundo, o fixo Neto ainda ganhou a Bola de Ouro, sendo eleito o melhor jogador da competição, prêmio anunciado após a realização da partida. O jogador do Krona/Joinville, vice-campeão da última Liga Futsal (o campeonato brasileiro da modalidade), foi o mais votado por jornalistas que cobriram a competição na Tailândia.
A Bola de Prata ficou com o espanhol Kike e a Bola de Bronze com mais um brasileiro, o ala Fernandinho, autor de sete gols. O prêmio Chuteira de Ouro, entregue ao artilheiro do torneio foi para Eder Lima, brasileiro naturalizado russo, que balançou as redes nove vezes. O italiano Rodolfo Fortino (também brasileiro de origem) ficou com a Chuteira de Prata e Fernandinho com a de Bronze. EFE

YAHOO ESPORTES


Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top