..

..
clique na Imagem

Style2

Envie sua Denúncia

Envie sua Denúncia

Mais Informações Clicar na imagem

Foto: Simples Soluções Digitais/Cortesia

A prefeitura de Goiana, na Zona da Mata Norte, tem mais uma dor de cabeça pela frente. Atolada em denúncias e com alto índice de reprovação, a gestão do prefeito Osvaldinho Rabelo e do prefeito em exercício Eduardo Honório precisará explicar o custo de mais de R$ 2,5 milhões para realizar a pavimentação de um trecho de 350 metros no acesso à UPA do município.


Além da pavimentação, também está prevista a drenagem e a iluminação do pequeno trecho. O valor por metro assusta: serão gastos pelo município R$ 7.264 por metro construído. O serviço está previsto para ser concluído até o dia 17 de junho. “O alto valor nos chama atenção e gostaríamos que a prefeitura apresentasse alguma justificativa para gastar tanto dinheiro em uma obra de pequeno porte”, questiona o vereador Bruno Salsa (PSB). 

O serviço é para facilitar o acesso à UPA onde funcionará um hospital de campanha da prefeitura, obra que já está atrasada e deveria ter sido inaugurada no dia 13 de maio. A intenção é ampliar a rede de tratamento dos casos de covid-19. Neste sábado (23), Goiana chegou a 200 casos confirmados, com outros 52 em investigação. 24 pessoas já faleceram vítima do novo coronavírus e 20 pacientes foram recuperados até agora. “Queremos transparência não apenas na divulgação dos valores das obras, mas também na sua justificativa. O povo de Goiana precisa saber para onde está indo o dinheiro público. Será que os recursos não poderiam ser utilizados na compra de equipamentos de proteção individual para os profissionais de saúde e ou em ações de combate à pandemia?”, questiona Bruno Salsa.

A denúncia expõe a fragilidade da gestão Osvaldinho Rabelo/Eduardo Honório. No começo de abil, o Procurador Geral de Justiça, Francisco Dirceu, requereu ao Tribunal de Justiça de Pernambuco a intervenção estadual em Goiana. Entre as justificativas, está o descumprimento de aplicação da receita mínima de 25% da arrecadação na educação, abertura de créditos sem autorização da Câmara de Vereadores, descaso nas ações da saúde, além de suspeita de fraude de licitação, corrupção, lavagem de dinheiro e peculato na contratação de empresa para recolhimento do lixo no município. O pedido segue em análise no TJPE.

Assessoria 

Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

2 comentários:

  1. DESDE O INICIO DA GESTÃO OSVALDO RABELO E EDUARDO HONÓRIO QUE A ROUBALHEIRA IMPERA NO MUNICÍPIO DE GOIANA. ALGUNS VEREADORES DENUNCIAM TAL ATITUDE AO MINISTÉRIO PUBLICO, TRIBUNAL DE CONTA DO ESTADO MAS MESMO ASSIM NENHUMA PROVIDENCIA FORAM TOMADAS. É UM VERDADEIRO ASSALTO AOS COFRE PUBLICO E FICA POR ISSO MESMO.

    ResponderExcluir
  2. Gente, para que se possa afirmar superfaturamento em obra ou serviço, precisa haver conhecimento do valor real do objeto. O vereador Bruno Verdurinha, suscita irregularidade, diz o valor do custo do m2, mas não mostra o valor de custo real, isso porque a Câmara Municipal, na essência de sua incompetência, não faz, antes a auditagem e cálculo real da obra para poder precisar a extensão do desvio ou roubalheira. É público e notório que a organização Malvadinho & Simplório, conforme se ouve nas ruas e nas aquisições, o assalto ao dinheiro público é sem precedentes, e a Câmara Municipal não consegue afastar os bandidos porque as acusações são infundadas, ou seja, mal constituídas, sem conteúdo técnico e como de praxe, sem credibilidade, eis que a Câmara jamais instituiu uma Comissão Permanente de Fiscalização e Auditoria com conteúdo técnicos. Ontem o presidente Vieguinha, pilantra corrupto, aproveitando-se da sugestão que venho insistindo há meses para fiscalizar e Auditorar recursos de R$...550.000.000,00 (quinhentos e cinquenta milhões de reais), do povo goianense, que a organização Malvadinho & Simplório vêm mantendo debaixo de sete capas. O povo precisa é criar vergonha na cara e aprender a votar. É como penso e tenho dito.

    ResponderExcluir

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top