Sigam Nossa Pagina

Style2

Mais Informações Clicar na imagem




Os projetos na área de meio ambiente foram selecionados através de edital
Pela primeira vez em Pernambuco foram assinados convênios para projetos de preservação ambiental e de desenvolvimento sustentável com recursos oriundos da compensação ambiental de grandes empreendimentos instalados no Estado. A assinatura dos convênios entre o Governo do Estado e as empresas totalizam R$ 2,2 milhões e ocorreu na manhã de hoje (3), na Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semas).

O evento, que contou com a apresentação de cinco projetos selecionados por meio de editais, tratam de iniciativas de restauração de áreas degradadas dos biomas Caatinga e Mata Atlântica e do monitoramento de plantas jovens de espécies nativas na Estação Ecológica de Caetés, no município do Paulista. A área Mata Atlântica estava destina a se transformar num aterro sanitário, mas a obra foi embargada na década de 1980, por iniciativa da Comunidade de Caetés I e de diversas associações ambientalistas.

O Governo do Estado, através da Lei nº 9.989/87, adquiriu a área de 157 hectares e definiu-a como Reserva Ecológica. No dia 29 de dezembro de 1998, a reserva passou para a categoria de manejo, através da Lei Estadual nº 11.622/98, sendo denominada de Estação Ecológica, o que permitiu sua abertura à visitação pública.

Além de contribuir para proteção dos recursos hídricos, realização de atividades de educação ambiental e investigação científica, a Esec-Caetés também proporciona lazer à população local. A sua fauna e flora, típicas da Mata Atlântica que, em muitas regiões já desapareceu devido ao desmatamento e à especulação imobiliária, ainda abriga raros e significativos exemplares do bioma da região da floresta costeira.

Os projetos incluem, ainda, à regularização fundiária de imóveis existentes no Refúgio da Vida Silvestre (RVS) Matas do Sistema Gurjaú e estudos ambientais e socioeconômicos de áreas identificadas como prioritárias para a conservação do bioma Caatinga em Pernambuco. O evento foi coordenado pelo secretário de Meio Ambiente e Sustentabilidade, Sérgio Xavier, e o presidente da Agencia Estadual de Meio Ambiente (CPRH), Carlos André Cavalcanti.

Para o secretário, a assinatura desses convênios é um marco inicial na consolidação do processo desencadeado pelo Governo Eduardo Campos no sentido de promover o desenvolvimento sustentável, buscando e firmando parcerias. “Vale ressaltar que todos esses convênios além dos recursos de
compensação ambiental terão pioneiramente contrapartida de outras instituições”.
Com informações da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade.

Assessoria


Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top