Acess

Acess

Mais Informações Clicar na Imagem

..

..
clique na Imagem

Style2





Organizado pelo Blog do Álvaro Mello e Subprefeito de Ponta de Pedras Marcelo Tavares a comemoração do aniversário de 516 anos do distrito de Ponta de Pedras aconteceu na manhã desta sexta-feira (18), com um desfile cívico saindo da Rua da Igreja com a participação da Escola Particular Girassol, e as Municipais Edith Gadelha e Ângelo Jordão, a cerimonia de hasteamento das bandeiras aconteceu em frente da subprefeitura onde alunos, professores e autoridades local participaram da homenagem ao aniversário da nossa querida praia de Ponta de Pedras.

Ao som dos hinos oficiais as bandeiras foram hasteadas pelo subprefeito Marcelo Tavares, o Admistrador Isaias Trajano e a representante da Secretaria de Educação de Goiana Professora Natividade.

A Banda Marcial da Escola Presidente costa e Silva de Tejucupapo acompanhou as escolas no desfile cívico.

Após o hasteamento das Bandeiras, uma missa solene foi celebrada pelo Padre Diego Silva na igreja de Nossa Senhora do Ó. 

O gesto de respeito pela cidade é importante e deve ser disseminado para que os jovens despertem o sentimento de patriotismo e interesse cívico que contribuem para o bom exercício da cidadania. Exaltou o Subprefeito Marcelo Tavares.

História

Primitivamente ocupada por índios caetés e potiguaras, o distrito de Pontas de Pedras originou-se de um dos mais antigos núcleos de colonização da região.

O distrito pertenceu na época das Capitanias Hereditárias a Capitania de Itamaracá.

Pela lei estadual nº 4950, de 20 de dezembro de 1963, é desmembrado do município de Goiana, o distrito de Pontas de Pedra, que foi elevado à categoria de município, mas pelo tribunal de justiça, em 27 de agosto de 1964, o município de Pontas de Pedra é extinto, tendo seu território anexado ao município de Goiana, voltando a ser o distrito. E permaneceu distrito até hoje.

Em 18 de agosto a vila de Ponta de Pedras comemora o 516 anos do descobrimento do acidente geográfico - a ponta das PEDRAS, descoberto por navegadores portugueses em 1501.

Quando aqui chegaram, foram os indígenas da aldeia dos Tabajaras-da-beira-mar (uma das ramificações da tribo dos Tabajaras, da nação Tupi), que encontraram como os primeiros habitantes desta região e em que hoje está localizado o distrito de Ponta de Pedras.

Sua aldeia ficava localizada nas imediações da praia de Catuama. Em 1589 chegou ao local um missionário português da Ordem Franciscana, cujo nome era Frei Antônio de Campo Mayor, com o intuito de catequizar os índios da localidade.

Em uma área mais ao norte da aldeia, próxima ao sul do acidente geográfico – a ponta das Pedras, fundou o religioso uma “missão” para catequização dos habitantes, Dedicou Frei Campo Mayor a proteção da “missão” à N. S. da Expectação, santa de sua devoção no convento português, com a construção de uma pequena casa de oração, encetando, assim, o povoamento desta área, na qual se desenvolveu um pequeno povoado de pescadores.
































Sobre ÁLVARO MELLO

...
«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga

Nenhum comentário:

Poste um Comentário

NÃO SERÁ PUBLICADO COMENTÁRIOS QUE POSSUAM PALAVRAS DE BAIXO CALÃO.
CADASTRE-SE E COMENTE A VONTADE.

NO COMMENTS WILL BE POSTED TO POSSESS profanity.
REGISTER AND WILL COMMENT.

NON SARANNO PUBBLICATI I COMMENTI CHE POSSONO ESSERE PROFANITÀ. REGISTRATI E POTRAI COMMENTARE.


Top